Letras

28/08/2017

Mostra do Pibid/UCPel compartilha experiências entre acadêmicos

Ver fonte
Mais do que apresentar resultados de trabalhos realizados em escolas públicas, a Mostra do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid) da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) foi uma oportunidade de demonstrar diversas formas de transformar o conhecimento científico em conhecimento escolar. Ao todo, 18 projetos de intervenção pedagógica foram apresentados por 42 bolsistas dos cursos de Filosofia, Letras e Pedagogia. 

Todos os trabalhos apresentados no encontro trilharam uma perspectiva de promover os laços de convivência social, explica o coordenador do Pibid na UCPel, professor Daniel Botelho. De acordo com o docente, através da mostra foi possível evidenciar a transposição didática a partir das metodologias utilizadas por cada grupo, com a intenção de atingir os objetivos propostos. 

“A Mostra foi realizada para socializar experiências, resultados e desafios no campo da educação básica. O evento ainda proporcionou a troca de conhecimento entre as diferentes licenciaturas”, avaliou. Botelho destaca que os resultados das propostas foram excelentes, devido as evidências apresentadas. “Participar do Programa de Bolsa de Iniciação à Docência da CAPES é um diferencial para a formação dos futuros professores”, pontuou. 

O trabalho das acadêmicas da Pedagogia Bruna Mailon, Aline Ávila, Daniele Amaral, Pâmela Vieira, Marília Domingues e Caroline Moura teve como proposta trabalhar o mundo mágico de Monteiro Lobato para alunos do primeiro e segundo anos da Escola Estadual de Ensino Fundamental Lelia Romanelli Olmos. “A coordenação da escola pediu para desenvolver um projeto que despertasse o gosto pela leitura e incentivasse o contato com os livros”, conta Bruna. 

A obra escolhida foi o Sítio do Picapau Amarelo e a história desenvolvida de uma forma diferente, em que a participação a cada semana de um personagem era muito aguardada pelos pequenos. “A cada encontro os alunos também eram incentivados a relatar as aulas através de desenhos e textos para registrar tudo o que foi vivenciado no projeto”, lembra Bruna. No final da atividade, cada aluno construiu o próprio livro, o que também resultou em uma exposição dos trabalhos realizados. 

Atualmente, as escolas que recebem as atividades Pibid da UCPel são: Escola Municipal Ensino Fundamental Doutor Joaquim Assumpção, Escola Estadual Ensino Fundamental Fernando Treptow, Escola Estadual Ensino Fundamental Jardim de Allah, Escola Estadual Ensino Fundamental Padre Anchieta, Escola Estadual de Ensino Médio Nossa Senhora de Lourdes, Escola Estadual Ensino Fundamental Nossa Senhora Medianeira, Escola Estadual de Ensino Fundamental Lelia Romanelli Olmos. A Mostra do Pibid ocorreu no dia 23 de agosto na UCPel. 

Redação: Rita Wicth - MTB 14101






foto da notícia

Por Portal UCPel

09/08/2017

Pesquisadora palestra sobre Língua Brasileira de Sinais na UCPel

Ver fonte
O Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade Católica de Pelotas (PPGL/UCPel), em parceria com o Programa Institucional Redes de Desenvolvimento e Habilidades Acadêmicas (ReDHAc), promove nesta sexta-feira (11) a palestra com o tema “Libras: aquisição fonológica e pesquisas atuais na área da educação”, a ser realizada pela professora Dra. Lodenir Karnopp, referência em pesquisas na área de Línguas de Sinais. O evento será realizado às 14h, na sala 100K – prédio Santa Margarida. 

A palestra deve ser dividida em dois momentos. No primeiro, a docente irá abordar tópicos referentes à gramática da língua de sinais. Logo após, o tema abordado será a Literatura Surda, que se manifesta em histórias contadas por sinais. O evento servirá como complemento às discussões já propostas no Programa Institucional “Redes de Desenvolvimento e Habilidades Acadêmicas” (ReDHAc) e das disciplinas “Aquisição e Variação da Linguagem” e “Tópicos Especiais em Fonologia e Aquisição de Línguas”. Conforme a organizadora do evento, professora Carmem Matzenauer, a palestra trará informações valiosas aos profissionais cujo foco de atividade está em estudos linguísticos e também a pessoas interessadas em LIBRAS.

Lodenir Karnopp é docente da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), pesquisadora do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (CNPq), fez Mestrado e Doutorado na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e Pós-Doutoramento na Gallaudet University, em Washington, D.C., Estados Unidos, instituição que é destaque em estudos sobre Línguas de Sinais. Na UFRGS, está vinculada ao Departamento de Estudos Especializados e ao Programa de Pós-Graduação em Educação.

A especial relevância dos estudos realizados pela professora, rendeu em 2016, o prêmio de excelência em Pesquisa na Gallaudet University, denominado “The Dr. Rachel Hartig Award for Research Excellence", Department of World Languages and Cultures”.

O evento é gratuito e destinado a acadêmicos e docentes dos cursos de Letras e Pedagogia, sem a necessidade de realizar inscrição prévia. 

Redação: Alisson Lopes
Crédito foto: Sergio Silveira

foto da notícia

Por Portal UCPel

20/06/2017

Acadêmico de Letras da UCPel utiliza conceito de ‘memes’ para tornar aula mais atrativa

Ver fonte
Difundidos pelas redes sociais, os memes propagam informações e tratam temas do cotidiano com leveza e bom humor. Motivado por estudos na área que já identificam este como um gênero textual, o acadêmico do sétimo semestre do curso de Letras da Universidade Católica de Pelotas (UCPel), Julian Rodrigues, passou a utilizá-los como uma ferramenta de ensino na sala de aula com alunos do Ensino Médio.

A expressão meme é bastante conhecida e utilizada na Internet, referindo-se ao fenômeno de “viralização” de uma informação, ou seja, qualquer vídeo, imagem, frase, música que se espalhe entre vários usuários rapidamente, alcançando muita popularidade. Na sala de aula, Julian utiliza os memes como apoio para trabalhar a questão de gêneros textuais para uma turma do segundo ano do Ensino Médio na Escola Estadual Cassiano do Nascimento.

Os resultados tem surpreendido o acadêmico que buscava ferramentas que tornassem as aulas de Português mais atrativas. A motivação veio por meio da orientação da professora Thais Rochefort e do artigo de Mariana Brizola, The zoeira never ends - os memes da internet como expressão de identidade. O estudo destaca o meme não apenas como diversão, mas como forma de revelar muitas coisas sobre a atual dinâmica social e sobre a forma que lidamos com a questão das identidades. 

“O meme é uma unidade de transmissão cultural. Um replicador cultural. Ele apropria-se de uma imagem ou uma ideia para criar outra imagem ou outra ideia. Considero um gênero textual, mas aplico em outros gêneros também”, destaca o acadêmico.

Antes de trabalhar com interdiscurso do meme, Julian desenvolveu um questionário para conhecer melhor os estudantes. Para ele, um dos principais desafios dos professores de Língua Portuguesa é despertar o interesse dos alunos, mostrando que a disciplina pode ser estudada e aplicada a temas mais próximos da realidade deles. “Da mesma forma que utilizo histórias em quadrinhos para dar minhas aulas, os memes espalhados pela internet são uma forma de representar o possível sentimento dos alunos durante a apresentação da matéria e quase sempre eles se identificam”, complementa Julian.

Vestibular de Inverno 2017

A UCPel recebe inscrições para o Vestibular de Inverno até o dia 13 de julho. São ofertadas vagas para os cursos Administração, Arquitetura e Urbanismo, Ciências Contábeis, Direito (manhã e noite), Engenharia Civil, Odontologia, Psicologia e Serviço Social. O processo seletivo será composto por uma redação com 10 datas disponíveis para a realização da prova. Mais informações estão disponível em ucpel.edu.br/vestibular

Redator: Alisson Lopes


foto da notícia

Por Portal UCPel

14/01/2014

Vestibular Fevereiro 2014 com Inscrições abertas!


Por Núcleo Web

18/11/2013

Vídeo da área: Educação na UCPel


Por Núcleo Web

Contato

(53) 2128-8222


Universidade Católica de Pelotas
Rua Félix da Cunha, 412
CEP: 96010-000
Pelotas - RS - Brasil
Fone: + 55 (53) 2128-80000

Desenvolvido por Núcleo Web - Assessoria de Comunicação e Marketing UCPel